P A T H

Nesta dica você aprenderá a usar o Alteryx para enriquecer seus dados com informações externas, obtidas através de APIs.

Uma API é um conjunto de rotinas e padrões de programação para acesso a um aplicativo de software ou plataforma baseado na Web. A sigla API refere-se ao termo em inglês “Application Programming Interface” que significa em tradução para o português “Interface de Programação de Aplicativos.

Existem inúmeras APIs disponíveis na Internet, que podem fornecer informações complementares valiosas para seu conjunto de dados

Introdução

Suponha que você tenha uma base de dados de compras realizadas no exterior. As compras foram feitas em dólar, e você precisa saber quanto essas despesas representam em Real. Você sabe a data da compra, mas não tem acesso ao histórico de cotação. Sua base de dados tem o seguinte formato:

----------------------------------
 Data da Compra   Moeda    Valor   
----------------------------------
 2020-04-01       USD      500.00 
 2020-04-02       USD      200.00 
 2020-04-03       USD      300.00
----------------------------------

Felizmente existe na internet inúmeras APIs que fornecem esta informação, e usaremos uma delas para complementar nosso conjunto de dados.

A API utilizada nesta dica é a economia.awesomeapi.com.br. Ela possui diversas configurações, e usaremos os parâmetros que retorna a cotação do Dólar em real em uma data especifica.

 

Passo 1: Insira a URL da API no seu Workflow

Utilize a ferramenta Text Input para inserir a chamada da API no seu fluxo de trabalho. Como a data da cotação é um parâmetro variável, referencie-a por uma string que facilite sua substituição.

 

Passo 2: Prepare os Parâmetros da API

A API que utilizaremos recebe a data da cotação em um formato específico, YYYYMMDD. Crie um novo campo contendo a data da compra como uma string, seguindo este formato.

 

Passo 3: Inclua a chamada da API no fluxo principal

Use a ferramenta Append Fields para incluir o campo contendo a chamada da API no fluxo principal. Como a chamada está contida em apenas 1 linha, não haverá multiplicação de registros.

Passo 4: Personalize a chamada da API para cada registro

Use a ferramenta Formula para alterar a chamada da API, de forma que a data da cotação requisitada seja a data da compra de cada registro.

 

Passo 5: Chame a API

Use a ferramenta Download para realizar a chamada à API. A URL da API será o campo personalizado no passo anterior. Este passo vai realizar tantas chamadas quanto forem os registros da entrada.

Como a API não requer configurações adicionais, como autenticação, podemos prosseguir.

 

Passo 6: Tratamento do Retorno

A API que estamos usando retorna um json como resposta. Use a ferramenta JSON Parse para transformar esta saída em campos que podem ser manupulados.

Note que a ferramenta gera 1 linha para cada campo do Json. Não se preocupe, vamos nos livrar das linhas extras no passo seguinte

 

Passo 7: Elimine os registros desnecessários

Olhando as informações disponíveis, podemos ver que a informação da cotação do dólar está no campo 0.bid. Use a ferramenta Filter para manter apenas estes registros.

O número de registros deve retornar ao número inicial do seu conjunto de dados.

 

Passo 8: Calcule o valor em reais

De posse da cotação do dia e do valor em dólar, use a ferramenta Formula para calcular o valor da compra em reais.

Passo 9: Retire os campos desnecessários e analise o resultado

Por último, use a ferramenta Select para eliminar os campos indesejados e a ferramenta Browse para analisar o resultado final.

 

Pronto! Agora você sabe usar APIs para enriquecer seus dados!

Gostou dessa dica? Quer aprender mais? Visite nossa página de treinamento e aproveite todo o potencial do Alteryx.

Language